CPLP-SE info@cplp-se.org https://cplp-se.org/uploads/seo/big_1616521274_7019_logo_CPLP_SE.png

Os cookies ajudam-nos a oferecer os nossos serviços. Ao utilizar a nossa página, concorda com a nossa política de cookies.

Saiba Mais

Declaração da CPLP-SE Declaração da CPLP-SE

Declaração da CPLP-SE

As organizações membro da Confederação Sindical da Educação dos Países de Língua Portuguesa (CPLP-SE) reunidas na sua II videoconferência, a 21 de dezembro de dois mil e vinte, entendem que:

É necessário e importante condenar por todos os meios as ameaças à paz e à segurança de qualquer sociedade, rejeitando, inequivocamente, métodos e práticas de terror, em todas as suas formas e manifestações; 

É inequívoca e total a solidariedade para com o Sindicato Nacional dos Professores de Moçambique (ONP/SNPM), assim como para com todas as famílias das vítimas dos atos terroristas ocorridos recentemente no norte e centro de Moçambique;

Entendem que é urgente procurar apoios e estabelecer parcerias conjuntas com outras organizações para uma ajuda que possa minorar os gravíssimos prejuízos causados a perto de 1.500 professores e 74.000 alunos que foram deslocados das suas escolas e comunidades de origem;

A CPLP-Sindical da Educação estará empenhada e na linha da frente na divulgação das atrocidades cometidas contra populações indefesas e, particularmente, contra os espaços escolares com assassinatos de professores e jovens estudantes, vítimas inocentes duma estratégia medieval de desumanização e destruição inaceitável;

O espaço sindical da lusofonia do setor da educação estará sempre disponível a colaborar e a acompanhar a Internacional da Educação (IE) nas iniciativas que já lançou e procurará contribuir de imediato nas solicitações que o Sindicato Nacional dos Professores de Moçambique entenda por bem procurar fazer junto da CPLP-Sindical da Educação”.

 

CPLP-SE, 21 dezembro 2020